Andressa Diniz: Meus bichinhos de estimação - Bob e Mel
Image Map

Meus bichinhos de estimação - Bob e Mel

Oi meninas, tudo bem?!

Quem me segue no instagram sabe que eu tenho dois gatinhos super fofos e que eu vivo postando fotos deles por lá. E por esse motivo decidi contar um pouquinho da história deles para vocês.

Confere aí?!!

Eu sei que nem todo mundo gosta de gato, mas acredito que seja por falta de informações CORRETAS. Muitos acham que eles não gostam do dono, são interesseiros ou algo do tipo. Mas quem tem esses anjinhos em casa, sabe que eles não são assim! Os gatos também fazem festa quando você chega da rua, do jeito deles, mas eles também ficam felizes com a nossa presença. Os gatos também sabem quando estamos tristes e ficam do nosso lado nos fazendo companhia, entre outras coisas. Assim como os cachorros, os gatos também são ótimos bichinhos de estimação!

Bob

  • Como apareceu na minha vida?
Um dia quando cheguei em casa do estágio, estava subindo as escadas de casa quando ouvi um miado muito alto, muito alto mesmo e eu sabia que era de um filhote de gato. Imediatamente comecei a procurar pelo quintal e encontrei um gatinho muito assustado na garagem embaixo do carro. E rapidamente peguei comida para ele (comida de gato mesmo, pois antes dele nós tínhamos uma gata que veio a falecer logo depois da chegada do Bob), e ele comeu muito desesperado, pois estava morrendo de fome né?! Fiquei morrendo de dó e levei para dentro de casa e no começo minha mãe não queria outro gato, mas com o tempo acabou aceitando e ele está com a gente até hoje. Acredito que ele tenha uns 10 meses. 

  • Curiosidades:
O Bob é extremamente medroso, não gosta de ficar no colo (só quando ele quer), ADORA criança e é muuuuuuito curioso! 

  • Quais são suas manias? 
O Bob tem uma menina bem estranha desde que era bem pequeno, ele gosta de MAMAR aquelas cobertas de pelinhos sabe? (vocês vão ver nas próximas fotos), mama como se fosse a mamãe dele ali. Fico morrendo de pena, porque ele foi tirado da mãe muito novinho, a veterinária disse na época, que ele devia ter uns 45 dias. 

Outra mania super estranha dele é que ele AMA xuxinha, ama brincar com qualquer xuxinha, se deixar brinca o dia todo. E a última mania estranha dele é que ele não pode ver uma porta fechada que ele senta e fica miando até alguém abrir a porta pra ele, e não é porque ele quer entrar não, é só porque não gosta de ver a porta fechada mesmo. 

  • Por que escolheu esse nome pra ele?
O Bob chegou aqui em casa na mesma época que estreou o filme dos Minions e eu me apaixonei pelo BOB, aquele que tem um olho de cada cor sabe? E como eu também me apaixonei pelo MEU BOB, eu decidi colocar esse nome nele haha só por isso!


Mel a gordinha!

  • Como apareceu na minha vida?
Como eu disse anteriormente, nós tínhamos outra gatinha que se chamava Meg e ela era muito solitária e depois que ela faleceu, que foi na mesma hora que o Bob apareceu, minha mãe não quis que o Bob ficasse sozinho porque os gatos, por mais que sejam independentes, precisam também de uma companhia para não se sentirem tão solitários quando os donos vão trabalhar ou precisam sair por algum motivo. Então minha mãe decidiu adotar a Mel quando ela tinha uns 40 dias, bem novinha também. 

Quando a Mel chegou, ela fedia MUITO, parecia que tinha saído de um galinheiro de tão fedorenta que ela estava. E como ninguém estava aguentando o cheiro, minha mãe teve que dar um banho bem rápido nela para dar uma suavizada porque a situação estava bem tensa haha.

Nos 2 primeiros dias ela não quis comer nada e nós ficamos muito preocupados porque gatos não podem ficar muito tempo sem comer, mas o problema é que a Mel não sabia comer, ela só bebia o leite da mãe e como era muito nova, ainda não tinha sido apresentada a ração. Foi então que eu peguei a ração e fiquei esfregando (com cuidado) na boca dela até ela abrir a boca e quando eu finalmente coloquei a ração na boca dela, ELA NÃO PAROU MAIS DE COMER e virou essa bolota aí haha


Quando o Bob viu a Mel pela primeira vez, ele ficava implicando muito com ela, mordia a cabeça dela, batia nela e saia correndo, mas com o tempo ele foi se adaptando e se acostumou com a presença dela. 

  • Curiosidades:
A Mel gosta muito de comer, se deixar ela come o dia todo, mas claro que nós só colocamos comida para ela na hora certa. A Mel não pode ver um bicho que ela fica louca atrás, ás vezes temos que correr atrás dela porque ela sempre aparece com uma barata na boca ou com uma borboleta....É nojento eu sei, mas ela não come, só mata. E quando ela vê um bichinho, ela não mia, ela faz uns barulhos muito estranhos, um dia filmo para vocês. 

  • Por que escolheu esse nome pra ela?
Na verdade eu não sei muito bem porque minha mãe colocou esse nome nela se a Mel nem é mel haha Acho que foi pela cor dos olhos ou pra seguir o padrão de Meg (a outra gata) e Mel. Deve ser por isso. 


MEL e BOB


* Na primeira foto o Bob está mamando na coberta.

Eles são muito companheiros e um não vive sem o outro. Eles sempre estão bem juntinhos e se lambendo hahha Eles brigam, mas também brincam muito. São verdadeiros irmãos! 

Qual é o bichinhos de estimação de vocês?!! 

Então é isso meninas, espero muito que vocês tenham gostado de conhecer os os meus bebês!!
Até o próximo post!

4 comentários:

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *